segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

DIVULGAÇÃO - OFICINA LITERÁRIA BOCA DE LEÃO


O Estado de Santa Catarina, com o apoio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, juntamente com a Fundação Catarinense de Cultura (FCC), disponibilizam por meio da Biblioteca Pública do Estado de Santa Catarina (BPESC) a OFICINA LITERÁRIA BOCA DE LEÃO.

A Oficina Literária Boca de Leão tem como objetivo iniciar os participantes no processo de escrita para a liberação da criatividade textual. Conhecer gêneros literários. Estudar clássicos da literatura nacional e estrangeira. Estudar contos. Escrever contos curtos. Escrever um conto para compor o e-book anual da Oficina Literária Boca de Leão. Terá 31 encontros para o desenvolvimento da escrita criativa e a produção de contos. Ação gratuita e aberta à comunidade catarinense. Faixa etária acima de 18 anos.

Data de início: 14 de Março de 2016.
Horário: das 19h às 21h
Local: Auditório da Biblioteca Pública de Santa Catarina
Para certificação é necessário ter o mínimo de 75% de participação e frequência.
Contato: dujaev@gmail.com

Inscrições abertas de 14 de fevereiro a 10 de março de 2017.


LINK para a divulgação da Oficina Literária Boca de Leão.

LINK do Cronograma de Atividades da Oficina Literária Boca de Leão.

LINK para Baixar a Ficha de Inscrição

Favor encaminhar para o E-mail: dujaev@gmail.com


terça-feira, 10 de janeiro de 2017

LIVRETANDO - DE ONDE VÊM ESSAS VOZES? (por Anna Claudia Ramos)

Gosto muito de livros e leitura e este universo nos dá diversos presentes: histórias, personagens, aventuras... e amigos. Ao no ano de 2016 aconteceu em setembro o 7º Seminário de Literatura Infantil e Juvenil na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e diversos escritores estavam sendo divulgados pela equipe organizadora, uma das escritoras que viriam para falar ao grande público era Anna Claudia Ramos e eu a adicionei no Facebook e comecei a pesquisar os livros e perguntar se ela traria livros para venda. Ela mencionou que não, perguntei se poderia trazer alguns para mim e eu fiz a lista dos desejados para o momento e o bolso. Desta forma, eu conheci a autora e consegui diversos livros com direito à fotos e autógrafos (imaginem que deliciosidade!!!). 

Na sequência dos dias, Anna Claudia comunicou, via Evento de Facebook, que realizaria o lançamento de seu livro em diversas cidade e uma delas seria Florianópolis e me convidou para conhecer seu 1º Livro voltado para o público adulto. Agendei e fui para o lançamento. 

Assim, no dia 17 de novembro de 2016, eu tive o prazer de ir ao lançamento do Livro de Anna Claudia Ramos, uma escritora que desde então está se tornando uma amiga.

O livro e a literatura aproximam pessoas e suas histórias.

O livro é o DE ONDE VÊM ESSAS VOZES?
Foto: http://annaclaudiaramos.com.br/arquivos/course/de-onde-vem-essas-vozes


Deixo, a seguir, para vocês um trecho que copiei do site da Anna Claudia Ramos para que possam conhecer um pouco da obra e para que possam ir até à sua página com o intuito de conhecerem outras obras desta autora, que em sua vasta publicação é direcionada ao público infantil e juvenil.

Texto de  apresentação do livro, por João Anzanello Carrascoza:
“Ouça o alerta: ao abrir este livro, você vai ouvir vozes veladas, mas não veludosas como nos versos de Cruz e Souza. São vozes misteriosas que rompem a férrea membrana do tempo de duração. Tempo, como diz um dos narradores deste romance de estreia de Anna Claudia Ramos, autora consagrada de obras para crianças e jovens, tempo que “não pode ser seguro pelas mãos”. Tempo que nos faz saber de coisas dolorosas, de uma só vez, ou em fragmentos, como nesta história. Nela entram e saem pares de personagens que se revezam como narradores nos idos da escravidão e em eras próximas – Paula e Carlos Frederico, Julia e Victor, Davi e Miguel, Joana e Eduardo, José e Antônia, Joaquim e Isabel –, duplas insuspeitas, guardiãs de segredos esquecidos. Estão na esfera das almas que transmigram em corpos diversos, ou no vale dos sonhos (onde só há faces em sfumato), ou ainda nas divisas da literatura, esse mundo de amores que fogem, ante a fugacidade das horas, da impermanência? Talvez estejam nos três planos, mil-partidos no eco das vozes que, ao final da narrativa, hão de surpreender você e retornar ao silêncio. Silêncio dos apaixonados, que se instala quando nada mais é preciso ser dito. De onde vêm essas vozes? Ouça o alerta atemporal de seu coração  – e siga as pistas deixadas por Anna Claudia Ramos neste belo livro”.
Disponível no site da editora: www.besourobox.com.br e também por e-mail vendas01@besourobox.com.br.

Texto extraído do site de Anna Claudia Ramos - Link para o site

O momento do autógrafo! Ahhh! Como eu gosto disto!

Olha meu sorriso de gratidão!

 A clássica foto com o livro na mão e a escritora do lado. Adoro!

 Glaucimare fez a mediação do evento.

 Glaucimare nos presenteou com a apresentação deste ator (perdoem, não lembro o nome dele - foi tudo tão rápido e ficamos prestando atenção no texto). Ele declamou Cruz e Sousa, nosso poeta.

Cruz e Sousa é declamado no lançamento de um livro que é lançado no mês de seu aniversário. No enredo de DE ONDE VÊM ESSAS VOZES temos um personagem que é negro e uma paixão forte e arrebatadora (é uma história de escravidão), que se mistura com outras tantas e intensas paixões vividas.

Agora me pergunto: O que posso falar da obra sem dar mais do que devia sobre ela? Posso dizer que é uma história que se mistura com outras. Posso dizer que é uma história que te provoca. Posso adiantar que a narração não é definida por um gênero e as várias vidas vividas nesta obra são permeadas por amor, intensidade, dor, entre outros tantos sentimentos que surgem. Vários questionamentos surgem e pode-se refletir e refletir. Não posso dizer muito. É um livro para ser lido, saboreado e sentido, principalmente sentido.


DIVULGAÇÃO - OFICINA: A BIBLIOTERAPIA COMO RECURSO NO ESPAÇO EDUCACIONAL (Liège Knoche)

OFICINA: A BIBLIOTERAPIA COMO RECURSO NO ESPAÇO EDUCACIONAL MINISTRANTE: Liège Knoche Bacharel em Biblioteconomia – Gestão da Informação...